Jean Ramos vence o Arena Cross em Campinas


Atualização: 30/08/2015

O piloto do time Yamaha/Geração Jean Ramos quebra a invencibilidade do português Paulo Alberto (Honda/Mobil) um ponto extra disputado no duelo 1x1 garantiu a vitória na etapa para Jean.


Jean Ramos / Foto: Guto Bernardes 


Novidade no Arena Cross 2015, a disputa reúne os dois primeiros colocados no classificatório da MX Pró em um duelo de duas voltas. Jean Ramos e Paulo Alberto, respectivamente primeiro e segundo colocados no classificatório, fizeram um duelo de tirar o folego. 

Melhor para o brasileiro da Yamaha Geração, que levou a melhor sobre o português da Honda Móbil. Um detalhe interessante: Ambos protagonizaram todos os duelos do Arena 1x1 até aqui, agora com duas vitórias de cada lado.


Duelo 1x1 / Foto: Guto Bernardes


MXPRÓ


Jean Ramos / Foto: Guto Bernardes 


MXPRÓ - 1ª bateria 

 

Melhor tempo no classificatório, vitória no Duelo Arena 1x1, holeshot da prova. Tudo conspirou para que Jean Ramos conquistasse o primeiro lugar na primeira bateria da PRÓ. Soberano desde o início, o brasileiro da Yamaha Geração deu show em Campinas e levantou o público presente. 

 

Na segunda posição ficou Paulo Alberto da Honda Mobil. O luso, líder do campeonato, travou intensa disputa com o espanhol Carlos Campano, que acabou com a terceira posição. Quem teve má sorte foi o britânico Adam Chatfield, que após forte queda ainda no início, foi obrigado a abandonar a prova. 

Classificação da 1ª bateria da PRÓ- 

1º #10 Jean Ramos 

2º #211 Paulo Alberto

3º #1 Carlos Campano

4º #21 Welligton Garcia

5º #920 Jetro Salazar

MXPRÓ - 2ª bateria 

Mais uma vez a disputa ficou entre Jean Ramos e Paulo Alberto. Largando melhor, o brasileiro manteve a liderança até a volta 24, quando os dois pilotos se chocaram. Pior para Jean Ramos que sofreu a queda, deixando assim a vitória na segunda bateria para o português. 

O holeshot da segunda bateria foi do campeão de 2012, o britânico Adam Chatfield. O espanhol Carlos Campano ficou com a terceira colocação. 

Classificação 2ª bateria da PRÓ 

1º #211 Paulo Alberto 

2º #10 Jean Ramos

3º #1 Carlos Campano

4º #407 Adam Chatfield

5º #22 Carlos Badiali

 

Classificação geral da PRÓ em Campinas 

1º #10 Jean Ramos 

2º #211 Paulo Alberto

3º #1 Carlos Campano 

4º #21 Welligton Garcia

5º #22 Carlos Badiali


 

50cc - 


Raul Miranda / Foto: Guto Bernardes 


Na categoria 50cc a vitória foi de Raul Miranda. O garoto de Imbituba, litoral sul de Santa Catarina não deus chances aos concorrentes.  Ele venceu a disputa contra o também catarinense Rafael Becker. 

A terceira posição ficou o gauchinho de Dois Irmãos Garmichel Rodrigues. O holeshot da prova ficou pela primeira vez com Gustavo Oliveira de Ilha Bela, litoral paulista. 

 

Classificação da prova

1º Raul Miranda #205

2º Rafael Becker #7

3º Garmichel Rodrigues #4

4º Gustavo Oliveira #22

5º Vitor Hugo Borba #28


 

65cc - 


Marcello Leodorico / Foto: Guto Bernardes 


Na 65cc a vitória foi goiana. Em uma prova emocionante, Marcello Leodorico venceu a disputa com Carlos Eduardo Pereira, o Dadal. Durante toda a prova os garotos disputaram posição ao mesmo tempo que lidavam com muitos retardatários. 

O resultado foi uma competição com muitas manobras e ultrapassagens que levantaram as arquibancadas em Campinas. O holeshot da prova foi de Dadal. Completou o pódio na terceira posição Carlos Eduardo Baltazar. 

 

Classificação da prova

1º Marcello Leodorico #44

2º Carlos Eduardo Pereira - #77

3º Carlos Eduardo Baltazar - #14

4º Gabriel Andrigo - #10

5º Rodolfo Bicalho - #38


 

Júnior - 


Renato "Muguinho" Paz / Foto: Guto Bernardes


Renato Paz, o Muguinho, venceu a tensa prova da Júnior. O piloto de Bragança Paulista se beneficiou após uma acidentada largada em Campinas. A segunda posição foi de Leonardo Cassaroti, que sofreu uma queda no início, mas se recuperou. 

 

Completou o pódio em terceiro Rafael Araújo, que também fez o holeshot. Após a prova, Muguinho adotou discurso cauteloso com a liderança do campeonato. 

 

- A expectativa é grande, mas a última etapa vale dobrado, ou seja, não ganhei nada ainda. Hoje larguei mal, mas contei com os acidentes na primeira curva - Colocou Muguinho, piloto que se prepara para subir de categoria em 2016. 

 

 

 

Classificação da prova

 

1º Renato Paz #101

2º Leonardo Cassaroti #25

3º Rafael Araújo #99

4º Thiago Brenner #24

5º Bruno Schmitz #40


 

MX2 - 


Hector Assunção / Foto: Guto Bernardes 


Na categoria MX2 o show foi de Hector Assunção. O piloto da Honda Mobil, que já tinha feito o melhor tempo no classificatório, foi obrigado a fazer uma prova de recuperação após cair para último na largada. Na décima volta fez uma ultrapassagem sobre Dudu Lima para não mais deixar a primeira posição. 

 

- Foi sensacional, cai para último após uma queda na largada e tive que fazer uma prova de recuperação. Foi uma noite mágica, assim, agradeço aos meus parceiros e minha equipe pela vitória - Disse Héctor Assunção. 

A segunda posição ficou com Dudu Lima, que também foi dono do holeshot. Completou o pódio o gaúcho João Pedro Ribeiro. 

 

 

Classificação da prova

 

1º #30 Hector Assunção 

2º #2 Dudu Lima

3º #282 João Pedro Ribeiro

4º #16 Enzo Lopes

5º #987 Fábio dos Santos

Classificação do campeonato após quatro etapas 

 

MX PRÓ

1º - 211 Paulo Alberto -  154 pontos 

2º -10 Jean Ramos -  135 pontos

3º - 1 Carlos Campano -  113 pontos

4º -407 Adam Chatfield -  95 pontos

5º 21 Welligton Garcia -  91 pontos

 

MX2

1º -2 Eduardo Lima -  65 pontos

2º -282 João Pedro Ribeiro -  61 pontos

3º -30 Héctor Assunção - 60 pontos

4º- 16 Enzo Lopes - 49 pontos

5º - 97 Pepe Bueno - 46 pontos

 

 

Júnior 

1º - 101 Renato Paz-   77 pontos

2º -25 Leonardo Cassaroti -  67 pontos

3º -24 Thiago Brenner -  53 pontos

4º -55 Renan Goto -  47 pontos

5º -34 Davi Rodrigues - 34 pontos

 

 

65CC

1º 77 Carlos Eduardo Pereira -  74 pontos

2º 44 Marcello Leodorico - 67 pontos

3º 14 Carlos Eduardo Baltazar - 60 pontos

4º 38 Rodolfo Bicalho - 41 pontos

5º 805 Bernardo Zeppelini - 40 pontos

 

50CC

1º 7 Rafael Becker -  74 pontos

2º 205 Raul Miranda -  64 pontos

3º 4 Garmichel Rodrigues -  56 pontos

4º 4 Gustavo Rodrigues -  47 pontos

5º 28 Vitor Hugo Borba- 44 pontos

 

Classificação completa em www.arenacross.com.br

Comentários