Brasileiro de Motocross - Caldas Novas 7ª Etapa


Atualização: 22/10/2018

Rumo a reta final, o Campeonato Brasileiro de Motocross realizado neste final de semana, 20 e 21 de outubro, em Caldas Novas (GO) recebeu mais de 350 pilotos que participaram da penúltima etapa da competição e também da final do campeonato goiano da modalidade.

 

No sábado a categoria 50cc encerrou a participação no Brasileiro tendo como campeão Gustavo Torres e vice, Matheus Henrique, que emocionou o público ao conseguir retomar a prova depois de um problema na motocicleta. Pela MX3, Daniel Pessanha (Federal), acelerou mais rápido que o líder do campeonato, Marcos Campos Cordeiro, e garantiu o topo do pódio.

 

No domingo a categoria 65cc deu a largada no segundo dia de prova. A prova foi decisiva para a conquista do título. O piloto Bruno Leal (#317) saiu na frente mas perdeu posições após uma queda. O dia não foi de muita sorte para os pilotos Gregory Machado e Bernardo Tiburcio, que tiveram problemas na motocicleta e acabaram abandonando a briga pelo título. Em entrevista ao vivo na transmissão da CBMTV, o piloto se despediu e falou da participação no campeonato brasileiro de motocross. “Não fiz uma boa largada, até consegui recuperar, mas infelizmente tive problemas na moto como meu irmão Matheus ontem na 50cc e acabei tendo que abandonar a prova” – lamentou o jovem piloto. O título de campeão brasileiro pela categoria ficou para Garmichel Rodrigues.

 

O dia também foi de decisão e despedida da competição para os pilotos da categoria Nacional 230cc. O líder da competição Caio Lopes, que vinha fazendo uma campanha invicto no campeonato, terminou em segundo lugar, atrás de Wellington Garcia, que é de Goiás. Mesmo com o resultado Caio Lopes garantiu o título do campeonato com a somatória dos pontos. Com a derrota na prova, o atual campeão brasileiro deve acertar as contas com Wellington, que é também seu amigo fora das pistas. “Em todas as etapas consegui terminar em primeiro e nos desafiamos que, quem ganhasse a prova de hoje lavaria a moto do outro” – comentou Lopes em tom de brincadeira.

 

Pela MX2JR e MX2 que competem juntas, mas pontuam separadas também foi marcada por boas disputas. Pepe Bueno da equipe Ims Racing teve trabalho para se manter na primeira posição. O piloto Fábio Santos (Yamaha) chegou a abrir mais de vinte segundos de diferença e numa recuperação surpreendente encostou no líder da primeira bateria. A decisão foi definida na segunda bateria que aconteceu durante a prova da MX Elite. Na somatória dos pontos deu piloto Yamaha no topo do pódio com Fábio Santos, seguido por Pepê Bueno, Leonardo Souza, Lucas Frazão e Tallys Nathan, já consagrado com antecipação como Campeão Brasileiro de Motocrosspela categoria MX2JR, na qual também compete.

 

As mais de doze mil pessoas que estiveram presentes neste domingo puderam sentir a adrenalina do esporte com os pegas entre o espanhol Carlos Campano (Yamaha) e Jetro Salazar (Honda) na prova da MX1. Na primeira bateria a disputa entre os pilotos agitou a arquibancada lotada. O equatoriano da equipe Honda se manteve na frente da bateria, chegando a ter vantagem de mais de vinte segundos do piloto da Yamaha. Numa recuperação emocionante, Campano não só alcançou como também trocou várias vezes de posição com o equatoriano na briga pelo primeiro lugar.  Assim como a MX2, a categoria foi definida na segunda bateria com Carlos Campano em primeiro, Jetro Salazar em segundo, seguidos por Hector Assunção, Paulo Alberto e Humberto Martin.

 

Reveja as provas: 

 

 

Os pilotos das categorias MX1, MX2, MX2JR, MXF, MXJR, MX3 MX4,MX5 e Elite MX voltam a se encontrar na grande final nos dias 03 e 04 de novembro em Fagundes Varela (RS). 

 

65cc

4

GARMICHEL RODRIGUES GIEHL

7

RAFAEL BECKER

28

VITOR HUGO JAROSCZEVSKI DE BORBA

317

BRUNO LEAL RODRIGUES

55

GUSTAVO RODRIGUES DE OLIVEIRA

 

MX2JR

183

TALLYS NATHAN SILVA BRITO

111

JOAQUIM ANTONIO NETO

841

JOÃO VITOR PEREIRA XAVIER

15

PEDRO MAGERO

19

AUGUSTINHO GODIM TEIXEIRA ALGARVE

 

MX2

4

FABIO APARECIDO DOS SANTOS

97

PEDRO HENRIQUE ROSA BUENO

945

LEONARDO DE SOUZA

815

LUCAS FERNANDO BOTTCHER FRAZÃO

183

TALLYS NATHAN

 

MX1

1

CARLOS CAMPANO JIMENEZ

20

JETRO SALAZAR

211

PAULO ALBERTO

30

HECTOR FREITAS ASSUNÇAO

101

HUMBERTO ALEJANDRO MARTIN GARAICOECHEA

 

MXJR

202

HENRIQUE HENICKA

10

GABRIEL BOHRER ANDRIGO

99

RAFAEL RIBEIRO DE ARAUJO

109

GUILHERME BRESOLIN

89

JOSE ANTONIO PEDRO FILHO

 

MX ELITE

 

 

1

CARLOS CAMPANO JIMENEZ

20

JETRO SALAZAR

211

PAULO ALBERTO

30

HECTOR FREITAS ASSUNÇAO

101

HUMBERTO ALEJANDRO MARTIN GARAICOECHEA


 

 Pódio MX Elite - foto: Tiago Lopes

Pódio MX2JR - Foto: Tiago Lopes

 

 

Pódio MX2 - Foto: Tiago Lopes 

Pódio 65cc - foto: Tiago Lopes 

Pódio MXJR - foto: Tiago Lopes 

MX1 - foto: Tiago Lopes 


 

Texto: CBM

Foto da capa: Danyllo Proto

Comentários