Copa EFX Brasil - Arujá SP - 2ª Etapa


Atualização: 08/05/2018

Piloto da equipe Honda Racing dominou segunda etapa da competição neste domingo, 6 de maio

 



Neste domingo, 6 de maio, as trilhas de Arujá (SP) receberam os pilotos e equipes da Copa EFX Brasil 2018. Com cerca de 150 quilômetros de desafios, a segunda etapa da temporada reuniu pouco mais de 100 participantes em categorias profissionais e amadoras. Na classificação geral, Júlio Ferreira, da Honda Racing, liderou a disputa seguido dos companheiros de equipe Gabriel Soares "Tomate" e Nicolás Rodriguez. 

 



Com a segunda vitória consecutiva, Júlio ampliou a liderança na categoria Elite, a principal do campeonato. "Consegui manter um ritmo bom desde o início, me mantendo forte em cima da moto, ganhando praticamente todas as especiais. Foi uma prova da EFX um pouco diferente, com um percurso maior, com especiais mais longas. Foi bacana, muito bom. Estamos colhendo os frutos de um bom treinamento", destacou o mineiro que completou as especiais cronometradas em 48 minutos e 46 segundos.

Em segundo na Elite, Tomate teve que superar alguns percalços durante a disputa. "Foi mais uma disputa intensa com o Júlio. Na segunda volta tive alguns problemas, acabei caindo em todas as especiais, me desconcentrei. Vamos em busca do objetivo de conquistar o título. Estou feliz pela vitória dele, feliz pela equipe e vamos pra cima na próxima", avaliou o também mineiro.  

Além do terceiro lugar na geral, Nicolás venceu pela segunda vez na categoria E1. "Tivemos três voltas de 52 quilômetros, um Cross Teste valendo na primeira volta e mais dois Enduro Teste nas demais. Consegui a vitória na E1, tive uma boa evolução com a moto e consegui bons tempos. Estou bem feliz com a prova e a organização está de parabéns", comentou.

Se os profissionais saíram satisfeito das trilhas, não foi diferente entre os amadores. Francisco Carneiro Júnior, vencedor da Trilheiros Importada, ficou empolgado com o evento. "A prova foi sensacional. Foi muito bem elaborada pela equipe Adrenatrilha, com tudo demarcado corretamente, facilitando a vida do piloto. Tive alguns empecilhos durante as especiais, mas foi tranquilo, tudo bem bacana".

A opinião foi corroborada por Murilo Silveira, piloto da categoria E8. "A prova foi bastante legal, com especiais bem técnicas, misturando trechos de alta velocidade com trechos travados. As especiais eram longas, bem bacanas. Acabei em terceiro na categoria. Temos três pilotos na equipe Alemão Motos Mauá e estamos fazendo todo o campeonato", explicou. A vitória na E8 ficou com Fernando Pereira, da equipe Honda Motofield.

Piloto da cidade e um dos incentivadores do esporte na região, Patric Quentin celebrou a volta do campeonato ao município. "Foi uma prova divertida, valeu a pena. As trilhas estavam no sentido invertido das provas já realizadas em Arujá, bem técnicas. Espero que no ano que vem venham ainda mais pilotos", destacou Patric que foi o oitavo colocado na Over 35, categoria vencida por Felipe Lima, da equipe Enduro MX.

O clima de amizade que impera nos bastidores da competição foi ilustrado na atitude de Xande Santos, piloto da categoria Trilheiros Nacional. Sua moto quebrou ainda na primeira volta e ele permaneceu na trilha ajudando outros compettidores. "Nessa hora vale o espírito esportivo. Eu vi que aquele trecho (o início de uma subida logo após a passagem por um rio) seria de dificuldade e resolvi ficar ali para ajudar todo mundo. Não só os parceiros de equipe, mas todos que estavam participando. Todo mundo é merecedor, dá o sangue, vem de longe, anda 300, 400 quilômetros para estar na prova, investe na inscrição, gasolina e tudo mais. Então eu me coloquei no lugar de todos e decidi ficar ali ajudando", explicou. A atitude foi premiada no fim do dia com um troféu de reconhecimento da organização, entregue pessoalmente por Fábio Simões, diretor do Adrenatrilha Trail Club.

O organizador avalia que o formato da prova em Arujá agradou os participantes. "Essa foi uma prova mais longa. Costumamos ter voltas na casa de 30 quilômetros por volta, essa teve 52 e teve uma boa aceitação. O pessoal curtiu. É uma prova mais demorada, com duas horas em cada volta. Os pilotos gostaram deste molde, com mais trilhas e uma quilometragem maior", disse Fabião.

Nas demais categorias da prova, que teve transmissão ao vivo pelo Facebook do Adrenatrilha Trail Club e cronometragem com resultados em tempo real pelo sistema TotemNow, os vencedores foram: Rodolfo Ripamonti na E2, Flavio Yatsugafu na E3, Marcos Vinícius Souza na E4, Fabio Bizarria na Over 45, José Antônio Cadima na Over 50, Leo Kauffmann na E5, Ewerson Jorery na E6, Janaína Souza na Feminina e Vinícius Fasciolo na Trilheiros Nacional.

A Honda Racing ainda dominou amplamente a disputa por equipes com Júlio Ferreira, Gabriel Tomate e Nicolás Rodriguez obtendo o melhor desempenho possível. A Honda Motofield BMP Team (Fernando Pereira, Marcos Vinícius Souza e Yan Proque) conquistou o segundo lugar e a Enduro MX (Rodolfo Ripamonti, Felipe Lima e Leo Kauffmann) completou o pódio.
  
A terceira etapa da Copa EFX Brasil será disputada no dia 24 de junho. A organização está definindo mais detalhes do evento e a cidade-sede será divulgada em breve, nas próximas semanas.

A Copa EFX Brasil 2018 é realizada pelo Adrenatrilha Trail Club e conta com o patrocínio da Honda, o co-patrocínio da IMS e o apoio da Motofield, Sig Visual, Tech Ride, Edgers, CrossFit Saúde, Jeri Adventure, Art Video, Colorart, MR Pro, Gat Logística e Prefeitura da cidade de Arujá.

Resultados

Geral

1. 1 Julio César Ferreira Eliziário; 0:48:46,04 
2. 2 Gabriel Lucas Soares; 0:49:33,05 
3. 3 Nicolas Rodriguez Rodriguez; 0:50:04,09 
4. 8 Washington Pereira Silva; 0:50:53,06 
5. 15 Marcos de Souza Oliveira; 0:51:45,02 

Elite 
1. 1 Julio César Ferreira Eliziário; 0:48:46,04 
2. 2 Gabriel Lucas Soares; 0:49:33,05 

Enduro 1
1. 3 Nicolas Rodriguez Rodriguez; 0:50:04,09 
2. 8 Washington Pereira Silva; 0:50:53,06 
3. 4 Evaldo Tavares Nespoli; 0:54:02,09 
4. 6 Rodrigo Matavelli Pagano; 0:54:46,01 
5. 7 Gabriel Silveira Mattos; 0:55:23,07 

Enduro 2
1. 10 Rodolfo Ripamonti; 0:54:49,07 
2. 11 Ithalo Nogueira; 0:54:55,03 

Enduro 3
1. 12 Flavio Yatsugafu; 0:59:37,05 
2. 14 Eduardo Lanhoso de Lima; 1:00:39,08 
3. 13 Deivi Sarti Domene; 1:05:19,06 

Enduro 4
1. 15 Marcos de Souza Oliveira; 0:51:45,02 
2. 18 Yan Bueno Proque; 0:59:14,05 
3. 20 Marcelo de Oliveira Fernandes; 1:01:39,03 
4. 16 Renan Bueno da Silva Filho; 8:09:44,04 
NC 19 Bruno Moraes Mota; 9:34:17,01 

Over 35
1. 24 Felipe Lima; 0:56:07,07 
2. 22 Luciano de Menezes; 0:56:15,08 
3. 30 Claudiney da Silva Couto; 0:57:27,05 
4. 27 Clericson Alan; 0:57:31,02 
5. 26 Felipe Pedrotti; 1:04:51,03 

Over 45
1. 33 Fabio Bizarria; 0:55:30,09 
2. 37 Clodoaldo Shoji Uemura; 1:02:06,04 
3. 35 Jonas Colantonio; 1:04:31,03 
4. 38 Fabrizio Freitas Calixto; 1:06:50,01 
5. 39 Dorival Gomes de Moura; 1:17:45,09 

Over 50
1. 41 Butu José Antonio Ramos Cadima; 0:59:49,07 
2. 45 Manuel C. Madruga de Simas; 1:00:09,09 
3. 40 Jefferson Colantonio; 1:00:42,08 
4. 42 Valvissir Aguilar; 1:03:31,05 
5. 44 Julio Figueiredo; 1:05:06,08 

Enduro 5
1. 48 Leo Kauffmann; 0:57:49,04 
2. 47 Luiz Fernando Urtado Martins; 0:58:15,08 
3. 49 Vinicius Lopes Aguilar; 0:58:27,00 
4. 52 Rodrigo da Silva Estrella; 0:58:51,08 
5. 56 Gustavo Mattos; 0:59:55,04 

Enduro 6
1. 72 Ewerson Jorery; 1:00:43,04 
2. 59 Renato Uemura; 1:00:59,07 
3. 60 Fabricio Souza; 1:04:07,05 
4. 61 Cristiano Adriano Ferreira; 1:07:14,03 
5. 57 Thiago dos Santos Claro; 1:09:41,10 

Enduro 8
1. 63 Fernando Alberto Pereira; 0:53:58,08 
2. 64 Otávio Oliveira Dias Cardoso; 0:56:43,03 
3. 70 Murilo Silveira Rodrigues; 0:56:50,02 
4. 71 Leandro da Silva Oliveria; 0:58:23,03 
5. 67 Valter Pimenta; 0:59:09,05 

Feminina
1. 76 Janaina Souza; 1:01:38,07 
2. 77 Tainá Aguiar; 1:03:25,04 
3. 81 Lilian Chagas; 1:20:53,09 
NC 80 Beatriz Fernandes Machado; 9:17:45,04 

Trilheiros Importada
1. 108 Francisco Carneiro Junior; 1:00:35,05 
2. 84 Marcel Brene; 1:02:31,10 
3. 93 Junio Leonardo da Silva; 1:04:02,06 
4. 87 Fábio Silveira Lucio; 1:04:07,08 
5. 90 Anisio Pacheco Alquezar; 1:04:25,02 

Resultado por Equipes

1. Honda Racing 2:28:24,08
1 Julio César Ferreira Eliziário
2 Gabriel Lucas Soares
3 Nicolas Rodriguez Rodriguez

2. Honda Motofield BMP Team 2:44:58,05
15 Marcos de Souza Oliveira
63 Fernando Alberto Pereira
18 Yan Bueno Proque

3. Enduro MX 2:48:46,08
10 Rodolfo Ripamonti
24 Felipe Lima
48 Leo Kauffmann

4. Foca Motos 2:50:48,01
11 Ithalo Nogueira
64 Otávio Oliveira Dias Cardoso
67 Valter Pimenta

5. Impacto Motos 2:57:36,08
27 Clericson Alan
49 Vinicius Lopes Aguila
76 Janaina Souza

Resultados completos 
Resultados por categorias
Resultado Geral
Resultado por Equipes

Ranking por Categorias
Ranking Geral
Ranking Feminina
 

Texto: PubliX

Fotos: Mauricio Arruda

Comentários